O Prof. Sucharit Bhadki e a sua esposa que também é uma cientista reputada,e ele um dos mais reputados microbiologistas do planeta, escreveu um livro que veio a público em Setembro de 2020 a denunciar a ausências de evidências científicas em relação ás medidas draconianas adoptadas como quarentenas, a censura a quem não alinhe neste pânico, a ausência de evidência quanto ao uso de máscaras para impedir contágios, a ausência de bases científicas na promoção do distanciamento social.

O Prof. Sucharit Bhadki é taxativo, “não estamos a ter uma pandemia”.

Apesar da sua voz ser sonegada pela imprensa, os criminosos que andam a promover o covid como pandemia, não lhes chega, o nível de manipulação atinge níveis inimagináveis.
Hoje, durante o dia, recebo mensagens de alguém que tinha visto o meu post com fotografias do livro do Prof. Sucharit Bhadki, e constatava que o livro não era igual. Um amigo, viu o meu post e resolveu oferecer ao irmão, médico, e que por acaso já o teria avisado que o covid é a farsa do século. Contudo, quando recebeu o livro antes de o dar, resolveu ler, qual não é o espanto quando se depara com um livro de apologia ao pânico do covid.

Em baixo, podem ver as fotos, usaram o nome da esposa, aproveitando a letra K, copiaram o lay-out do livro, o aspecto, a cor , o tipo de letra, e assim um mês após o lançamento do original, lançam um livro para manipular a opinião pública.

Esta é a farsa do século, tal como o aquecimento global, as massas continuam a ter uma lavagem cerebral sem precedentes.